quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Simpático...

Deu no Ancelmo:
O escritor John Updike, que morreu ontem, foi, certa vez, o centro de uma festa no Rio. Depois, diante da noite de céu estrelado, os colegas brasileiros Ana Miranda e Rubem Fonseca o levaram até a Prainha -- ele queria de toda forma ver o Cruzeiro do Sul, que não se vê no Hemisfério Norte. O americano, vencedor do Prêmio Pulitzer, descreveu o céu com um grau de detalhe impressionante. Sabia tudo. Parecia um astrônomo. E logo localizou a famosa constelação.

O céu é um deslumbramento!

Um comentário:

Sunny disse...

É simpático sim, mas o livro "Brazil" que ele escreveu após esta viagem é de chorar. E eu sempre fui fã do Updike. Sabia escrever como poucos, no original, é claro!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...