terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Escândalo no estado do Obama


Esse cretino da esquerda, Rod Blagojevich, governador democrata de Illinois (o estado de Barack Obama, ou pelo menos o que ele escolheu para viver), foi preso de manhã pelo FBI porque estava vendendo a vaga de Obama no Senado.

O louco sistema eleitoral americano estabelece que é o governador que indica o novo ocupante da vaga, já que não há suplente.

A Fox News está surfando nesse escândalo. Mas eu aposto que foi a equipe do Obama que denunciou isso, alertada pelos possíveis "compradores" da indicação. O FBI já estava investigando o sujeito há tempos por desvios diversos. Juntou tudo e botou o canalha em cana.

***
Sunny comenta que parece o PM*DB, e lembra, sim: o Wel*lington Sal*gado, dono de uma cadeia de cursinhos que o tornou milionário, teve 17 votos na eleição de que participou. Deve ter pago uma fortuna ao partido para pegar a mamata.

***
Local news reports, meanwhile, suggest that it was Obama chief-of-staff Rahm Emanuel who blew the whistle on the governor. (Rahm Emanuel, futuro chefe de gabinete do Obama, foi quem soprou a denúncia no ouvido do FBI)

***
Gravação (autorizada pela Justiça). Fala o governador:
-- Fuck Obama... Quero fazer dinheiro. Se não for do jeito que eu quero, eu mesmo ocupo essa vaga. Devo dar a esse motherfucker um senador? De graça? Foda-se ele.

2 comentários:

Sunny disse...

E o Globp cai em cima do "meu, sifu" do Lu*la...

marel disse...

Não vejo motivo para a comparaçao. Obama nada teve a ver com isso aí no post. Pelo contrário, foi um pedido dele ao líder no Senado de Illinois por mais ética que despertou o FBI. E foi o chefe de gabinete dele, Rahm Emanuel, que denunciou as tratativas do governador para vender a vaga do Obama.

Acho até que o cretino deu bem essa matéria.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...